quarta-feira, 1 de março de 2017

Pudim Afetivo





Boa tarde!

Alguém pode estar se perguntando porque afetivo com tantos nomes para se colocar num pudim simples caseiro? Afetivo porque comida é afeto do começo ao fim, da escolha da receita e dos ingredientes, do  preparo até a hora de servir.  Mais afeto ainda porque esse pudim foi feito numa forma antiga que encontrei num dos meus garimpos na casa de Mamãe. Uma forma que me levou de volta ao tempo de antes em algum lugar que nem consegui datar, mas é  uma forma de antigamente. E é dela. Então pudim com mais afeto ainda e com receita nova. A receita nova foi por conta da forma, que não é só uma forma de     pudim.....ela é uma forma de pudim de banho-maria de fogão com panela e tampa! Mas garanto que dá pra fazer na sua forma com uma panela comum que tenha tampa.


Olha a receita como é fácil e rápida:

A calda
Numa panelinha ou na forma de alumínio para pudim, coloque 1 xic de açúcar e 1/2 xic de água. Misture e leve ao fogo baixo até que a calda fique na cor de caramelo. Agora espalhe por toda a forma onde vai fazer o pudim.

O Pudim
No liquidificador bata 4 ovos por 10 segundinhos. Acrescente  1 lata de leite condensado , a mesma medida de leite e bata novamente para misturar.
Despeje na forma já com a calda, ponha a forma  na panela com 2 xícaras de água,cubra o pudim com papel toalha e depois feche a panela com a tampa. Ponha em fogo alto,quando ferver baixe para fogo médio e conte 20 minutos. Desligue o fogo, espere 5 minutos e solte os lados do pudim com uma faca, delicadamente. Desenforme quente para que a calda caia  sobre o pudim.

A receita achei na internet, no Gshow. Aprovadíssima!





Por Ana Aloba-Da-Rocha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário